Diálogo com Marta Maurás: Considerações sobre as responsabilidades do setor empresarial frente aos direitos da infância

A atividade empresarial tem efeitos positivos e negativos em toda a população, particularmente nas crianças. Pode ter grandes benefícios que surjam de uma atividade empresarial que seja consciente de qual é seu impacto nas crianças e que incorpore a devida diligência em suas práticas empresariais. A respeito da primeira infância, sem dúvida, tudo o que se relaciona com a indústria alimentar e a farmacêutica tem um grande impacto. Marta Maurás considera que “cada Estado requer um ato explícito de vontade política com vistas a avançar nas definições necessárias para que as empresas sejam socialmente responsáveis e previnam os impactos negativos de sua atividade sobre a população”